Brincadeirices – Porque Brincar Não Tem Idade

No dia 12 de outubro, o Espaço Cultural Porto Seguro promove diversas atividades pensadas para celebrar o Dia da Criança, com o projeto Brincadeirices – Porque Brincar Não Tem Idade!

Com o objetivo de entender a importância da brincadeira para toda a sociedade, as atrações foram pensadas para estimular a diversão em qualquer idade. Entre as atrações, destaque para a apresentação do Jogando no Quintal e o show Barbatuquices, com o grupo Barbatuques. A oficina Brincadeiras de Criança que você não Aprendeu ou Acabou Esquecendo resgata os adultos para o universo da infância e para a importância do brincar.

Ao longo do dia, em parceria com a produtora Maria Faria Filmes, serão exibidos 3 documentários sobre a importância da infância e da valorização da brincadeira em nossa cultura. São eles: Tarja Branca (dirigido por Cacau Rhoden), com exibição às 11h; O Começo da Vida (de Estela Renner), às 14h e Território do Brincar (direção de David Reeks e Renata Meirelles).

O Instituto Alana promove roda de conversa após a exibição do filme Território do Brincar. A proposta é discutir a importância que a preservação da cultura da infância tem, não só para as crianças, mas para toda a sociedade.

O evento começa às 11h, com contação de história com Cristiane Velasco em Maria Sabida e João do Uia. A contadora usa música ao vivo para narrar a história, o conto de uma princesa que queria sempre ter a última palavra e um moço com fama de bobo que queria se casar com ela. A história virou livro publicado pela Panda Books,que será lançado na semana da criança.

O coletivo Urban Sketchers, um grupo de desenhistas urbanos que se reúnem em locais públicos para desenhar, registrará a festa. O público também é convidado a desenhar com materiais de desenho disponibilizados no local..

Às 12h, o Jogando no Quintal se apresenta com seu tradicional jogo de improvisação feito por palhaços e com toda a ambientação de um jogo de futebol: hino do clube, placar, bandeiras, árbitro, jogadores, a torcida e até mesmo um clube fictício: o Clube de Regatas Cotoxó. Divididos em dois times, um árbitro-palhaço e uma banda de músicos-palhaços, que cria sons e melodias ao vivo.O que torna cada jogo tão especial é o fato de todas as cenas serem criadas na hora, com a participação da torcida. É a plateia é quem determina a pauta do jogo. Todas as cenas do espetáculo são construídas a partir de temas sugeridos pelo espectador.

Com um setlist com músicas de adultos, mas com batidas ou ritmos que encantam as crianças, a dupla de DJs Di Mangaba promete rechear o espaço com músicas alegres e divertidas, para todas as idades, a partir das 13h.

Às 15h, o grupo Barbatuques apresenta o show Barbatuquices. No repertório, canções dos 19 anos de carreira, como Barbapapa’s, Groove, Hit percusrcivo e Tumpá, ganham roupagem nova, apresentando uma maneira singular de apresentar música e extrair sons do corpo. As apresentações do grupo são uma experiência única, com uma combinação entre ritmos e movimentos.

Das 14h às 16h, a Cia Bambolística ensina a jogar bambolê, colorindo e enfeitando a praça. A Cia é uma rede de articulação da prática de dança com bambolês, formado por um grupo de professores e artistas na área. Na oficina de bambolê, o grupo realizará performances e oficinas para ensinar quem quiser brincar.

Das 14h às 18h, o Coletivo Meio Fio – Crochê Urbano convida adultos e crianças a aprenderem diversas técnicas rápidas de crochê.  Este é o ponto de partida para uma série de intervenções que conecta pessoas e transforma espaços públicos por meio de um olhar mais carinhoso para a cidade.

Das 16h às 18h, a oficina Brincadeiras de Criança Que Você Não Aprendeu ou Acabou Esquecendo convida crianças e adultos a relembrarem os clássicos da brincadeira infantil, como fazer estrelinha, jogar amarelinha, dar cambalhota, andar de bicicleta, pular corda, entre outras.

Ao longo do dia, em parceria com a produtora Maria Faria Filmes, serão exibidos 3 documentários sobre a importância da infância e da valorização da brincadeira em nossa cultura. São eles: Tarja Branca (dirigido por Cacau Rhoden), com exibição às 11h; O Começo da Vida (de Estela Renner) – filme nacional indicado ao Oscar este ano, às 14h e Território do Brincar (direção de David Reeks e Renata Meirelles), às 16h.

Também durante o dia o Leiturinha, um clube de assinatura de livros infantis do Brasil, terá um ambiente com vários livros e pufes para estimular a leitura para todas as idades.

E os brinquedos do Erê Lab, objetos de mobiliário urbano para praças e parques voltados para o público infantil, estarão à disposição para que o público possa interagir.

Além de toda essa programação, haverá atividades já oferecidas pelo educativo do Espaço Cultural Porto Seguro, baseadas nas  temáticas das exposições Frida Kahlo – Suas Fotos | Olhares sobre o México e Paisagens Gráficas, dos equipamentos de fabricação digital do PortoFabLab e do Ateliê Experimental.

BRINCADEIRICES – PORQUE BRINCAR NÃO TEM IDADE!
Local: Praça entre o Espaço Cultural Porto Seguro e Restaurante Gemma.
Ingresso: Grátis
Classificação etária: livre.

Programação:
Das 11h às 18h – Atividades com o educativo do Espaço Cultural Porto Seguro e
Brinquedos Erelab.
Durante todo o dia – DJ Di Mangaba.
11h – Contação de Histórias – Cristiane Velascoem Maria Sabida e João do Uia.
11h – Urban Sketchers.
12h – Jogando no Quintal.
Das 14h às 16h – Oficina de Bambolês com Cia Bambolística.
Das 14h às 18h – Coletivo Meio Fio (crochê urbano).
15h – Barbatuquices.
Das 16h às 18h – Brincadeiras de Criança Que Você Não Aprendeu ou Acabou Esquecendo.

Filmes:
11h – Tarja Branca.
14h – O Começo da Vida.
16h – Território do Brincar seguido do roda de conversa com o público. Mediação do Instituto Alana.

ESPAÇO CULTURAL PORTO SEGURO

Alameda Barão de Piracicaba, 610. Campos Elíseos. São Paulo. Telefone (11) 3226-7361.

Site: www.espacoculturalportoseguro.com.br

Tags

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Busca

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Anália Franco: 11 99568-7320
Morumbi: 11 93040-2110

Escola de Teatro

Agende uma aula experimental
Whatsapp 11 96591 9915

Parceiros

Facebook

Arquivos

Quem Escreve

Ana Paula

Sou Ana Paula Alcântara Porfírio, trabalho em horário integral como mãe, sou casada, com um príncipe chamado Júnior, tenho dois filhos a Manuella e o Arthur, que fazem meus dias mais felizes!

Vou dividir com vocês nossos passeios, dicas de programas com crianças, experiências e sentimentos da maternidade!