EDUCAÇÃO. Livro digital do Leia para uma Criança homenageia profissionais da saúde

Os profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate ao coronavírus ganham nesta quarta-feira (29) mais uma homenagem, que busca também deixar clara para as crianças a importância de sua atuação. A coleção de livros digitais do Leia para uma Criança ganha o título “Super protetores”, que mostra ao público infantil como médicos, enfermeiros e outras categorias são os “super-heróis” modernos.

Escrito por Jessé Andarilho e ilustrado por Ivy Nunes, o título se junta à coleção digital do programa de incentivo à leitura na primeira infância do Itaú Unibanco e da Fundação Itaú Social. Completando 10 anos em 2020, a campanha promove desde sua criação que “quando você lê para uma criança ela pode buscar o futuro que quiser”.

Com “Super protetores”, a coleção digital alcança 16 livros, todos disponíveis em http://www.euleioparaumacrianca.com.br. O título também poderá ser enviado por WhatsApp através do bot feito em parceria com a Take para distribuir alguns deles. Para receber, basta enviar uma mensagem para o número do bot: (11) 98151-1078.

Os usuários recebem a opção de baixar apenas ele ou todo o conteúdo disponível – além dos livros do Leia para uma Criança, a ação também conta com uma cartilha do Ministério da Saúde que explica o coronavírus para as crianças. A cartilha apresenta a doutora Carla, que explica para as crianças o que é o coronavírus, o que pode e não deve ser feito, como proteger as famílias – com destaque para contato com os avós – de maneira simples e educativa.

Os demais livros disponíveis para download via WhatsApp são “O Cabelo da Menina”, de Fernanda Takai; “A canção dos pássaros”, de Zeca Baleiro; “Azizi, o Menino viajante”, de Conceição Evaristo; “A Menina das Estrelas”, de Tulipa Ruiz; “O Menino e o Foguete”, de Marcelo Rubens Paiva; e os recentes “Sovaco da Cobra”, e “A Flor que chegou primeiro”, adaptações de textos escritos por Angelo Ferreira e Mayara de Aleluia Pereira, respectivamente, vencedores da Olímpiada de Língua Portuguesa de 2016. Os dois últimos também foram tema de contação de histórias pelo cantor Zeca Baleiro em seu perfil: http://www.instagram.com/p/B_lTpRiFzWv/

Em formato PDF, os conteúdos podem ser compartilhados com outros contatos e acessados de qualquer smartphone. Apenas no mês de abril, o bot do Whatsapp enviou 4.1 milhões de livros digitais em PDF e mais de 753 mil mensagens foram trocadas na plataforma.

Livros digitais

As histórias da série de livros digitais – assinadas por autores e ilustradores convidados pelo banco – são idealizadas para serem lidas por adultos para crianças em sua primeira infância, pelo celular ou tablet. Unem a simplicidade da leitura com a tecnologia. As edições mais recentes, lançadas no dia 23 de abril, foram baseadas em textos escritos por estudantes que venceram a Olímpiada de Língua Portuguesa de 2016: “A flor que chegou primeiro” e “Sovaco da Cobra”.

Edições anteriores tiveram como autores escritores e artistas renomados, como Conceição Evaristo, Fernando Veríssimo, Marcelo Rubens Paiva, Tulipa Ruiz e Zeca Baleiro, entre outros, além de uma adaptação do livro “Malala, a menina que queria ir para a escola”, de Adriana Carranca. A coleção alcança atualmente 16 títulos, todos em www.euleioparaumacrianca.com.br.

Tags

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Busca

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content

Anália Franco: 11 99568-7320
Morumbi: 11 93040-2110

Escola de Teatro

Agende uma aula experimental
Whatsapp 11 96591 9915

Parceiros

Facebook

  • Mais Acessados
  • Arquivo

Quem Escreve

Ana Paula

Sou Ana Paula Alcântara Porfírio, trabalho em horário integral como mãe, sou casada, com um príncipe chamado Júnior, tenho dois filhos a Manuella e o Arthur, que fazem meus dias mais felizes!

Vou dividir com vocês nossos passeios, dicas de programas com crianças, experiências e sentimentos da maternidade!