Itaú Cultural Play oferece programação especial para as crianças com filmes inéditos

Para celebrar o dia e o mês das crianças, em 8 e 16 de outubro a plataforma de streaming do cinema e audiovisual brasileiro Itaú Cultural Play inclui em seu catálogo 36 produções nacionais dedicadas a esse público, disponíveis gratuitamente em www.itauculturalplay.com.br e nos dispositivos móveis IOS e Android.

Na primeira data, entram em cartaz 12 animações do Cine Curtinhas, sete filmes de curadoria do Espaço Itaú de Cinema e a série de desenhos Gemini 8, criada pelos diretores Célia Catunda e Kiko Mistrorigo. Outra novidade na programação é a exibição de 10 filmes inéditos da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis, que podem ser vistos na plataforma entre os dias 16 e 31 de outubro, simultaneamente com o festival.

 

Considerado um dos principais festivais dedicado exclusivamente ao audiovisual para crianças no Brasil, a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis sela sua parceria com a Itaú Cultural Play quando chega à sua 20ª edição. Com curadoria de Luiza Lins, diretora e idealizadora do evento catarinense, a plataforma de streaming exibe uma dezena de curtas-metragens a serem exibidos no festival, de 16 de 31 de outubro, mesmo tempo que permanecem em cartaz no catálogo da plataforma. Os filmes refletem a diversidade cultural brasileira e são assinados por cineastas das regiões sul e sudeste do país.

 

Entre estas produções realizadas ainda em 2021, como O papagaio e a pipa, realizado pelo diretor paulista Tiago MAL, no qual um garoto constrói uma papagaio que se apaixona por uma pipa e vai atrás dela.  Também Cine.EMA, da cineasta catarinense Sandra Coelho, uma reúne animações destinadas à primeira infância em que uma ema se alimenta de versos. De 2020, são Panapaná, dos diretores capixabas Gabriel Nemer Neves e Veronica Lorraine Oliveira de Paulo, em que uma garotinha descobre um casulo em um jardim perto de sua casa e passa a observá-la 24h por dia para ver o nascimento da borboleta, e Margaridinha, das diretoras Caroline Chamusca e Karla Lopes Beck, do Rio de Janeiro, um filme-carta no qual a menina que dá nome ao filme convida a um diálogo com a vida de uma criança carioca do início do século XX, entre cenas de danças, amigos e família.

(Confira programação completa, com as sinopses de cada filme, no arquivo atachado).

 

Mostra Cine Curtinhas

Criação do Núcleo de Audiovisual do Itaú Cultural, em edições exibidas presencialmente antes da pandemia, o Cine Curtinhas tornou-se presença permanente da plataforma Itaú Cultural Play, que além de cinema brasileiro para adultos, dedica programação lúdica de filmes de animação para crianças. Neste mês, em especial, o catálogo ganha mais opções. A partir do dia 8, passam integrar o catálogo 12 títulos realizados por diretores das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste do país.

 

Para mencionar algumas das produções, em Macacada, realizado por Thomas Larson em 2016, um garoto e seus amigos macacos procuram descobrir novas formas de brincar e de perceber o mundo.  Meu melhor amigo, de Laly Cataguases, 2018, um menino triste e solitário dá uma volta por cima quando desenha e da vida a um boneco. De 2016, o filme de Thomas Larson e Jon Russo Lala – O que tem no museu? traz a história de uma menina que, com os amiguinhos, faz bonecos de massinha, tricô e pelúcia, para descobrir. Anahí Borges realizou em 2019, As aventuras de Pety, filme onde no céu de Tutameia, surge um arco-íris e ela e sua turma partem em busca do baú de ouro, se envolvendo em aventuras com seres fantásticos do folclore e da cultura popular brasileira.

(Confira programação completa, com as sinopses de cada filme, no arquivo atachado).

 

Mostra Espaço Itaú de Cinema

Parceiro da Itaú Cultural Play desde o dia 5 e agosto, o Espaço Itaú de Cinema com o lançamento da Mostra Ugo Giorgetti, volta a marcar presença na programação da plataforma. Também a partir de 8 de outubro, apresenta uma seleção especial para os pequenos, com filmes como Menino maluquinho – o filme e Menino maluquinho 2 – a aventura, baseados na obra do cartunista Ziraldo. O primeiro tem direção de Fernando Meirelles, o segundo é de Helvécio Ratton. Completam a lista outras duas produções de Ratton: Pequenas Histórias, de 2007, em que na varanda de uma fazenda, uma senhora conta e tece histórias de humor e magia, e Segredo Dos Diamantes, no qual o pequeno Angelo e dois amigos e saem à caça de um misterioso tesouro perdido do século XVIII, para salvar o seu pai doente.

 

Cavalinho Azul, de Eduardo Escorel, Vicente parte em busca do seu cavalo maravilhoso, para ele, que foi vendido pelos pais para comprar mantimentos. Garoto Cósmico, de Alê Abreu, conta, em ambiente futurista e rígido, a histórias das crianças, Cósmico, Luna e Maninho, que se aventuram descobrem um novo universo no Circo Giramundo. Tito e os Pássaros, dos cineastas Gustavo Steinberg, Gabriel Bitar e André Catoto, também traz uma jornada aventureira entre amigos, para ir atrás do canto dos pássaros, única forma de curar seu pai contaminado por uma estranha epidemia que faz as pessoas ficarem doentes quando se assustam e somente o gorjeio dessas aves cura.

(Confira programação completa, com as sinopses de cada filme, no arquivo atachado).

 

Estreia Gemini 8

No mesmo dia, entra em cartaz a mostra Gemini 8, um projeto da produtora Pinguim Content, idealizado com a Editora Abril e o canal Disney Channel. Dos mesmos criadores do programa de sucesso Peixonauta, os diretores de cinema Célia Catunda e Kiko Mistrorigo, esta série de desenhos mostra as aventuras de um garoto da Terra que está em um planeta distante.  Entre humor, ação e ficção científica, os primeiros sete episódios disponíveis dessa produção tratam das relações de amizade, da superação dos medos, da necessidade de estudar e ser engenhoso e, principalmente, de trabalhar em equipe para superar desafios.



 

Sobre a Itaú Cultural Play

Lançada em 19 de junho, dia da celebração do cinema brasileiro, a Itaú Cultural Play começou com um catálogo formado por 135 títulos dos 26 estados brasileiros e o Distrito Federal. Constantemente ampliado desde então, já ultrapassou a marca de 200 filmes disponíveis, entre ficção, documentários, séries documentais e de ficção, animações para crianças e para adultos, produções experimentais, entrevistas, palestras, curtas e longas-metragens.

 

Com acesso gratuito, a plataforma de streaming de cinema brasileiro é acessível para dispositivos móveis IOS e Android, e pode ser acessada pelo site itauculturalplay.com.br.



Itaú Cultural Play – Programação mês das crianças

A partir de 8 de outubro de 2021 (sexta-feira)

Em www.itauculturalplay.com.br

*Os filmes que não têm classificação indicativa livre estão identificados abaixo

As sinopses seguem em documento anexo.

 

MOSTRA CINE CURTINHAS

Macacada (São Paulo, 14 min, 2016)
De Thomas Larson

Meu melhor amigo (Minas Gerais, 14 min, 2018)De Laly Cataguases Lala – O que tem no museu? (São Paulo, 2 min, 2016)
De Thomas Larson e Jon Russo

As aventuras de Pety (São Paulo, 14 min, 2019)
De Anahí Borges
DaliVinCasso (Rio de Janeiro, 11 min, 2014)
De Marcelo Castro e Marlon Tenório
Lipe, vovô e o monstro (Rio Grande do Sul, 9 min, 2016)
De Carlos Mateus de Souza e Felippe Steffens

Gabi (São Paulo, 5 min, 2018)
De Claudio Furton
Hornzz (Rio de Janeiro, 5 min, 2019)
De Lena Franzz
Ilhas (Rio de Janeiro, 9 min, 2018)
De Isabella Oliveira
Quando a chuva vem? (Pernambuco, 8 min, 2019)
De Jefferson Batista
Viagem na chuva (Goiás, 13 min, 2014)
De Wesley Rodrigues
Nana & Nilo e o tempo de brincar (Rio de Janeiro, 14 min, 2016)
De Sandro Lopes

 

MOSTRA ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA

O cavalinho azul (Rio de Janeiro, 85 min, 1984)
De Eduardo EscorelGaroto Cósmico (São Paulo, 75 min, 2007)
De Alê Abreu
Menino Maluquinho – O Filme (Minas Gerais, 83 min, 1994)
De Helvécio Ratton
Classificação indicativa: 12 anos (conteúdo sexual, linguagem imprópria e nudez)Menino Maluquinho 2 – A aventura (Minas Gerais, 92 min, 1998)
De Fernando Meirelles
Pequenas histórias (Minas Gerais, 80 min, 2007)
De Helvécio Ratton
O Segredo dos Diamantes (Minas Gerais, 86 min, 2014)
De Helvécio Ratton
Classificação indicativa: 10 anos (violência)Tito e os Pássaros (São Paulo, 73 min, 2018)
De Gustavo Steinberg, Gabriel Bitar e André Catoto

 

MOSTRA GEMINI 8
Episódios 1 a 7 (São Paulo, 2014)
Duração: 11 min cada episódio

 

MOSTRA DE CINEMA INFANTIL DE FLORIANÓPOLIS
De 16 a 31 de outubro de 2021

Toda a programação tem classificação indicativa livre

 

Fome (São Paulo, 17 min, 2019)
De Felipe Fré
Margaridinha, uma criança antiga (Rio de Janeiro, 7 min, 2020)
De Serena Paranhos
O papagaio e a pipa (São Paulo, 7 min, 2021)
De Tiago MAL
Cine EMA (Santa Catarina, 14 min, 2021)
De Sandra Coelho
O Brasil de Tuhu – nesta rua (Rio de  Janeiro, 4 min, 2018)
De Felipe Grosso e Odirlei Seixas
Primeiro Carnaval (São Paulo, 5 min, 2020)
De Alan Medina
Panapaná (Espírito Santo, 1 min, 2020)
De Veronica Lorraine Oliveira de Paulo e Gabriel Nemer Neves
Raone (São Paulo, 2 min, 2021)
De Camila Santana
Coisas inservíveis e as crianças (Minas Gerais, 5 min, 2018)
De Grupo de Pesquisas e Estudos em Geografia da Infância
Batchan (São Paulo, 5 min, 2020)
De Ester Kawai

MOSTRA CINE CURTINHAS

Macacada (São Paulo, 14 min, 2016)
De Thomas Larson

Sinopse: uma criança e seus amigos macacos querem viver no topo do mundo, sentir o cheiro do vento e ir pelas copas distantes. Tudo isso para descobrir novas formas de brincar e de perceber o mundo.


Meu melhor amigo (Minas Gerais, 14 min, 2018)
De Laly Cataguases

Sinopse: um menino vive triste em seu quarto até o dia em que tem uma ideia: desenhar e dar vida a um boneco. Ele se transforma em seu melhor amigo, parceiro de risadas e da brincadeira mais divertida: empinar pipa.


Lala – O que tem no museu? (São Paulo, 2 min, 2016)
De Thomas Larson e Jon Russo

Sinopse: a menina Lala está em seu quarto fazendo lição de casa quando se depara com uma pergunta: o que tem nos museus? Com a ajuda de seus amigos, feitos de massinha, tricô e pelúcia, descobre que os museus têm de tudo um pouco: coisas do presente, do passado e do futuro.


As aventuras de Pety (São Paulo, 14 min, 2019)
De Anahí Borges

Sinopse: no céu de Tutameia, surge um majestoso arco-íris. Em busca do baú de ouro, Pety e seus amigos partem em direção a um bosque, e se envolvem em aventuras com seres fantásticos do folclore e da cultura popular brasileira. No entanto, descobrem que o verdadeiro tesouro pode estar muito mais próximo do que imaginam.


DaliVinCasso (Rio de Janeiro, 11 min, 2014)
De Marcelo Castro e Marlon Tenório

Sinopse: os pintores espanhóis, Pablo Picasso e Salvador Dali, encontram-se em um quadro no Museu do Louvre, em Paris. Uma chuva atinge a caixa onde a obra está localizada, eles conseguem fugir e saem fazendo interferências em obras como a Mona Lisa, de Leonardo da Vinci, imprimindo suas cores e seus estilos.


Lipe, vovô e o monstro (Rio Grande do Sul, 9 min, 2016)
De Carlos Mateus de Souza e Felippe Steffens

Sinopse: o menino Lipe sempre passa férias na casa dos avós. Um dia, sai para pescar com o avô e fica intrigado quando o vê espetar uma batata-doce no anzol ao invés de minhocas para oferecer aos peixes. Para sua surpresa, um gigante atraído pela guloseima aparece e, então, começam grandes aventuras no fundo do mar.


Gabi (São Paulo, 5 min, 2018)
De Claudio Furton

Sinopse: Gabi se prepara para começar o seu dia. Enquanto conversa com um amigo na internet, uma pomba faz um ninho no fio de eletricidade, provocando uma queda de energia. Ela precisa encontrar maneiras de resolver a situação, enfrentando diversos desafios.


Hornzz (Rio de Janeiro, 5 min, 2019)
De Lena Franzz

Sinopse: sozinha em seu quarto, Lu sonha com aventuras no ar, no céu e no mar. Ela ganha chifres de búfalo, enfrenta um tsunami e encontra conforto na companhia de uma onça que sabe nadar, além de uma nova amiga. Essas novas companhias a levam a rever e redesenhar sua própria história.


Ilhas (Rio de Janeiro, 9 min, 2018)
De Isabella Oliveira

Sinopse: Juliana está à deriva no mar quando recebe uma mensagem misteriosa dentro de uma garrafa. Na busca por seu remetente e por respostas para o enigma, ela conhece Leo, um menino autista que tem o dom de mexer com as plantas. Deste encontro, nasce uma amizade e a possibilidade de novas aventuras.


Quando a chuva vem? (Pernambuco, 8 min, 2019)
De Jefferson Batista

Sinopse: uma família vive a seca que assolou a região Nordeste do Brasil, matando o gado e o roçado, entre os anos de 1979 e 1985. Pai, mãe e filho esperam a chuva cair em um cenário de luta pela sobrevivência e fé em melhores dias. E ela vem, molha o telhado e o solo e traz esperança e sonhos ao menino.


Viagem na chuva (Goiás, 13 min, 2014)
De Wesley Rodrigues

Sinopse: uma trupe de circo passa por uma pacata cidade e encanta um menino, que cisma em viajar com ela. No sonho do garoto, um mágico o convida a entrar em uma gota de chuva e juntos os dois seguem por aventuras em um mundo de diversão onde tudo é colorido e peixes podem voar.

 

Nana & Nilo e o tempo de brincar (Rio de Janeiro, 14 min, 2016)

De Sandro Lopes

Sinopse: os gêmeos Nana, Nilo, o pássaro Gino e a árvore Mulemba voltam no tempo para o Quilombo dos Palmares para investigar porque as crianças não querem mais brincar. Lá, recebem a ajuda da sábia árvore Baobá, de Zembi e de Dandara para conseguir os cinco elementos que podem restabelecer o tempo de brincar.

 

MOSTRA ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA


O cavalinho azul (Rio de Janeiro, 85 min, 1984)
De Eduardo Escorel

Sinopse: era uma vez um garoto, e seu inseparável cavalo. Para todos, é um cavalo comum, marrom, velho e magro. Para Vicente, é um belíssimo cavalo azul. Um dia, seus pais vendem o animal para comprar mantimentos e outras necessidades. Preocupado, o menino parte em uma viagem fantástica para fazer a única coisa que poderia imaginar: recuperar seu amigo.


Garoto Cósmico (São Paulo, 75 min, 2007)
De Alê Abreu

Sinopse: em um mundo futurista, no qual as vidas são totalmente programadas e seguem rotinas bastante rígidas, três crianças, Cósmico, Luna e Maninho, resolvem se aventurar e descobrem um novo universo, esquecido no fantástico Circo Giramundo.


Menino Maluquinho – O Filme (Minas Gerais, 83 min, 1994)
De Helvécio Ratton

Sinopse: Maluquinho é como um menino qualquer – brincalhão e alegre – e que teve a sorte de nascer numa família carinhosa. Certo dia, no entanto, seus pais se separam. Maluquinho fica triste e não quer mais saber da rua. Até que surge o Vô Passarinho, um ex-piloto de avião, disposto a levá-lo, junto com seus amigos, numa nova aventura.

 

Menino Maluquinho 2 – A aventura (Minas Gerais, 92 min, 1998)
De Fernando Meirelles

Sinopse: Maluquinho e sua turma vão passar as férias de julho com o vovô Tonico e a vovó Iaiá numa cidadezinha do interior, que está prestes a comemorar seu centenário de fundação. Vovô Tonico está empenhado na organização de uma grande festa para celebrar a data. Para tanto, contará com a ajuda de Maluquinho e seus amigos.


Pequenas histórias (Minas Gerais, 80 min, 2007)
De Helvécio Ratton

Sinopse: Na varanda de uma fazenda, uma senhora conta e tece histórias de humor e magia. O casamento do pescador com a sereia. O coroinha de uma igreja que vê a procissão das almas. O encontro entre um Papai Noel de loja e um menino de rua. As aventuras de Zé Burraldo, sujeito ingênuo que sempre se deixa levar pelos outros. Histórias brasileiras para pequenos e grandes.


O Segredo dos Diamantes (Minas Gerais, 86 min, 2014)
De Helvécio Ratton

Sinopse: a história se passa no interior de Minas Gerais. Angelo é um adolescente e tem de lidar com um fato dramático. Seu pai está doente e precisa de recursos para fazer uma cirurgia muito cara. Para salvá-lo, Angelo se junta com dois amigos e vai à caça de um misterioso tesouro perdido do século XVIII.

 

Tito e os Pássaros (São Paulo, 73 min, 2018)
De Gustavo Steinberg, Gabriel Bitar e André Catoto

Sinopse: uma estranha epidemia começa a se espalhar, fazendo com que pessoas fiquem doentes quando se assustam. Tito, um menino tímido que vive com a mãe, rapidamente descobre que a cura está relacionada a uma pesquisa feita por seu pai sobre o canto dos pássaros. Ele embarca numa jornada com seus amigos para salvar o mundo da epidemia, para encontrar seu pai e conhecer mais da sua própria identidade.

 

MOSTRA GEMINI 8, de Celia Catunda e Kiko Mistrorigo

Episódio 1  (São Paulo, 11 min, 2014)

Sinopse: o curioso Marco encontra uma pipa que, por acidente, o transporta para o distante planeta de Gemini 8. Agora, seu novo amigo Polo terá que dar um jeito de mandá-lo de volta para a Terra.

 

Episódio 2  (São Paulo, 11 min, 2014)
Sinopse: Marco vai escondido para escola de Polo, seu novo amigo em Gemini 8. Enquanto isso, Dona Urânia, a temível diretora do colégio, está atrás dele. Como será que ele vai despistá-la?

 

Episódio 3  (São Paulo, 11 min, 2014)

Sinopse: o inteligente Polo tem um novo plano pra enviar o amigo Marco de volta para seu planeta de origem: enviá-lo nos foguetes que serão lançados na grande final da Liga Intergaláctica. Será que vai dar certo?

 

Episódio 4 (São Paulo, 11 min, 2014)

Sinopse: uma nova ideia parece fazer a cabeça destes heróis: Marco poderia voltar de balão para casa. Mas será que esta ideia é mesmo um estouro?

 

Episódio 5  (São Paulo, 11 min, 2014)

Sinopse: Marco finalmente está indo em direção à terra. Porém, é abordado por piratas espaciais. Resta a Polo partir em seu resgate


Episódio 6  (São Paulo, 11 min, 2014)

Sinopse: Dona Urânia está no encalço de Orion, que assumiu um novo visual. Nesta busca, ela quase descobre Marco na escola.


Episódio 7  (São Paulo, 11 min, 2014)

Sinopse: a lua do planeta Cosmus Gomus parece ser uma boa solução para levar Marco de volta para casa, mas o que nossos heróis não esperavam é encontrar terríveis minhocas espaciais por lá!

 

MOSTRA DE CINEMA INFANTIL DE FLORIANÓPOLIS

Disponível de 16 a 31 de outubro de 2021 


Fome (São Paulo, 17 min, 2019)
De Felipe Fré

Sinopse: num pequeno vilarejo, Lia vence dragões montada em sua vassoura, enquanto Fátima cozinha para vencer a fome de mais um dia que chega ao fim. Quando uma dupla de saltimbancos chega ao vilarejo, um evento inesperado faz com que mãe e filha compreendam que não é apenas o corpo que necessita de alimento.


Margaridinha, uma criança antiga (Rio de Janeiro, 7 min, 2020)
De Serena Paranhos

Sinopse: neste filme-carta, Margaridinha nos convida a dialogar com a vida de uma criança carioca do início do século XX. Entre cenas de danças, amigos e família, a menina da década de 1930 conta sobre suas experiências vividas no bairro do Méier, a partir de imagens da família de Margaridinha.


O papagaio e a pipa (São Paulo, 7 min, 2021)
De Tiago MAL

Sinopse: um menino constrói seu próprio papagaio e, com esforço, faz seu novo amigo voar alto no céu. O Papagaio conhece uma charmosa Pipa, mas, logo a perde de vista. Destemido, parte em busca dela pelas ruas da cidade.

 

Cine EMA (Santa Catarina, 14 min, 2021)
De Sandra Coelho

Sinopse: Cine.EMA reúne uma série de animações destinadas à primeira infância. Os desenhos foram criados a partir de textos do livro Pô! Ema – poesia de criança, escrito pela catarinense Sandra Coelho. A obra apresenta a divertida figura de uma Ema que se alimenta de versos.


O Brasil de Tuhu – nesta rua (Rio de  Janeiro, 4 min, 2018)
De Felipe Grosso e Odirlei Seixas

Sinopse: uma cidade cinzenta do interior do Brasil. Uma canarinha azul voa por entre árvores e ruas piando e procurando outros pássaros, porém, todos estão engaiolados ou presos. Até que ela encontra um gato. Juntos, eles entram dentro de um bosque e encontram um curioso músico.


Primeiro Carnaval (São Paulo, 5 min, 2020)
De Alan Medina

Sinopse: uma vizinhança silenciosa. Uma senhora passeia com um cachorro. Um casal entediado escuta um jogo de futebol num radinho de pilha. De repente, o marasmo é interrompido pela chegada de um bloco colorido e um menino vestido de bailarina vive a mágica do carnaval pela primeira vez.

Panapaná (Espírito Santo, 1 min, 2020)
De Veronica Lorraine Oliveira de Paulo e Gabriel Nemer Neves

Sinopse: uma garotinha descobre um casulo dentro de uma moita, num jardim perto de sua casa. Após consultar com alegria um livro de biologia, ela monta uma barraca e decide observar dia e noite o nascimento de uma borboleta.


Raone (São Paulo, 2 min, 2021)
De Camila Santana

Sinopse: enquanto caminha fazendo bolhas de sabão, uma criança diz seu nome: Raone Sebastião Lopes Francisco. Ele tem quatro anos, gosta de brincar de boneca, desenhar, cantar e se fantasiar. Enquanto cria suas histórias, Raone vai construindo uma infância livre de estereótipos.


Coisas inservíveis e as crianças (Minas Gerais, 5 min, 2018)
De Grupo de Pesquisas e Estudos em Geografia da Infância

Sinopse: tem muitas coisas nesse mundo: sejam elas grandes, pequenas, lisas, redondas e pontudas. Há coisas que não conseguimos pegar, mas, que pegam a gente: amor, tristeza, choro, sorriso, palavras. As pessoas grandes gostam de enjoar das coisas e até inventaram uma palavra para elas – inservíveis. É delas que as crianças gostam.

 

Batchan (São Paulo, 5 min, 2020)
De Ester Kawai

Sinopse: inspirado nas memórias de infância da própria realizadora, o filme narra a história de uma garotinha nipo-brasileira que tenta aprender a conversar com a sua avó surda e tentar descrever uma voz que nunca foi ouvida.


Itaú Cultural 

www.itaucultural.org.br 
www.twitter.com/itaucultural 
www.facebook.com/itaucultural 
www.youtube.com/itaucultural 

Tags

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Busca

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content

Anália Franco: 11 99568-7320
Morumbi: 11 93040-2110

Escola de Teatro

Agende uma aula experimental
Whatsapp 11 96591 9915

Parceiros

Facebook

  • Mais Acessados
  • Arquivo

Quem Escreve

Ana Paula

Sou Ana Paula Alcântara Porfírio, trabalho em horário integral como mãe, sou casada, com um príncipe chamado Júnior, tenho dois filhos a Manuella e o Arthur, que fazem meus dias mais felizes!

Vou dividir com vocês nossos passeios, dicas de programas com crianças, experiências e sentimentos da maternidade!