FICI celebra 20 anos com mostra presencial e online em novembro

O Festival Internacional de Cinema Infantil (FICI) está em festa. A edição 2022 marca a celebração dos 20 anos do festival criado por Carla Camurati e Carla Esmeralda em 2003, que vem acumulando números superlativos ao longa de duas décadas, seja pelos mais de 1.800 títulos de 36 países exibidos ou pelo público superior a 2 milhões de espectadores (dos quais mais de 900 mil alunos e professores da rede pública de ensino, muitos em seu primeiro contato com o cinema).

O FICI terá formato híbrido pela segunda vez consecutiva, com sessões presenciais no Estação NET Gávea, no Rio de Janeiro, no dia 12 de novembro – reunindo pré-estreias, première brasileira, sessão comemorativa dos 20 anos e grandes sucessos – e ainda o FICI Online, de 19 a 27/11, com exibições gratuitas na plataforma digital do festival, criada em 2020, onde também será realizado o Fórum Pensar a Infância, de 8 a 10 de novembro.

“O 20º Festival Internacional de Cinema Infantil (FICI) acontece com o importante apoio da RioFilme, órgão integrado à Secretaria de Governo e Integridade Pública da Prefeitura do Rio, que tem sido determinante para a continuidade do festival, sobretudo durante os anos de pandemia, assim como contamos com o apoio de Telecine e MISTIKA Produções. Ao mesmo tempo, comemoramos 20 anos de parceria com a Globo Filmes”, assinala Esmeralda, que divide a direção do festival com Carla Camurati.

SELEÇÃO DE FILMES REÚNE GRANDES NOMES DA ANIMAÇÃO BRASILEIRA

Um dos destaques da programação desta 20ª edição, cujo tema é “Viva o Cinema Brasileiro feito para crianças!”, é a seleção de filmes inéditos assinados por grandes nomes da animação brasileira. Na Abertura do 20º FICI, no dia 12/11, no Estação NET Gávea, o público terá a chance de conferir alguns deles como Fabulosos João e Maria, de Arnaldo Galvão, em sua première brasileira. O filme provoca uma divertida reflexão sobre o estereótipo do vilão, que muitas vezes não aparenta ser tão mau quanto realmente é: e se a Bruxa não esperasse que as crianças se perdessem na floresta? Se fosse mais presente? E se ela provocasse os problemas financeiros para que as crianças tivessem que pedir sua ajuda? E se a Bruxa fosse alguém tão agradável que todos permitissem que ela entrasse em suas casas?

As sessões de abertura, no dia 12, incluem ainda outras quatro pré-estreias. Perlimps, de Alê Abreu, conta a jornada de aventura e fantasia de Claé e Bruô, agentes secretos de reinos rivais. Eles precisam superar suas diferenças e unir forças para buscar os Perlimps, criaturas misteriosas capazes de encontrar um caminho para a paz em tempos de guerra.

A Ilha dos Ilús, de Paulo G C Miranda, mostra o misterioso lugar onde estavam os animais antes de nascerem e porque já nascem sabendo tantas coisas. A resposta está na Ilha dos Ilús. Lá todos começam na forma de um “Ilú”, um pequeno ser etéreo e feliz. Depois de um tempo vão para a Casa da Entrega, para embarcar para a vida terrestre na forma de algum animal.

Chef Jack, de Guilherme Fiúza Zenha, leva para a telona a série de animação 2D, em que Jack, um dos maiores cozinheiros aventureiros de todos os tempos, viaja pelo mundo com seu jovem assistente, Leonard, em busca de novos ingredientes para fazer as receitas mais inusitadas. Nesse longa, eles irão cruzar as Ilhas Culinárias para completar as provas da “Convergência de Sabores”, a maior competição gastronômica do mundo e tentar vencer seus concorrentes.

Alice dos Anjos, live action de Daniel Leite Almeida, conta a história de Alice, que vive no sertão nordestino e é transportada para um lugar mágico, cheio de personagens malucos, após perseguir um bode preto. Ela se vê, então, no meio de uma guerra entre um influente coronel que quer construir uma usina elétrica e uma comunidade local. A menina se junta com a comunidade para destruir o coronel e salvar a cidade.

“As crianças aprendem e reproduzem o que veem nos filmes. por isso é tão importante incentivá-las a assistirem produções com narrativas e linguagens múltiplas”, destaca Carla Camurati.

Os 20 anos do FICI serão relembrados com a exibição de uma seleção especial de animações curtas que marcaram a história do festival, na sessão 7 X Animação. Paleolito (2013), de Ismael Lito e Gabriel Calegario; H20bby (2016), de Flavia Trevisan; Flamlet (2021), de Alunos de nível 1 do Estúdio Escola de Animação, e Irmão do Jorel – Especial Carnaval BRUTTAL (2022), de Zé Brandão e Federico Nicolai, são alguns dos títulos.

A programação de abertura inclui ainda a Sessão Especial Gloob – oportunidade para a garotada ver ou rever o sucesso D.P.A. 3 – Uma aventura no fim do mundo, de Mauro Lima – e a Sessão Telecine, com SING 2, de Garth Jennings, em que o coala Buster Moon e seu elenco animal de estrelas se preparam para lançar uma extravagante apresentação na cintilante e glamorosa capital universal do entretenimento: Redshore.

PRÊMIO BRASIL DE CINEMA INFANTIL RECEBE 145 INSCRIÇÕES

Em apenas duas semanas, o festival recebeu 145 inscrições – 42 a mais do que em 2021 – para o Prêmio Brasil de Cinema Infantil, programa competitivo do FICI. Foram aceitos filmes de curta e longa metragens, programas de série infanto-juvenis para TV ou Web. Em 16 de novembro, serão divulgados os filmes selecionados para a mostra FICI Online, de 19 a 27/11, e, no dia 30/11, anunciados os vencedores.

As produções selecionadas para concorrer ao prêmio serão exibidas nas sessões Histórias Animadas, Histórias Curtas e Mostra Teen. O grande vencedor será eleito pelo júri especial – de jovens adultos que, quando crianças, participaram das edições anteriores do FICI –, e, assim como nos anos anteriores, o público poderá escolher seus filmes preferidos dentre todas as mostras do festival – incluindo Clipes, Pequenos Como Você, Melhores das Telinhas, Cenas da Infância e Nova Geração –, na categoria Voto Popular.

FÓRUM PENSAR A INFÂNCIA

O Fórum Pensar a Infância, que há mais de uma década promove discussões e reflexões sobre a importância do audiovisual para as crianças, abre a programação do FICI, entre os dias 8 e 10 de novembro, na plataforma online do festival, com dois painéis diários, às 18h e às 19h, reunindo diretores como Andrés Lieban, Arnaldo Galvão, Rosana Svartman e Zé Brandão; Flavia Costa, gerente sênior de conteúdo original da Gloob; Ester Kawai, ilustradora e animadora 2D da Birdo; Flavia Trevisan, animadora 3D da Wildlife Studios, e atores como o trio do longa D.P.A., Anderson Lima, Leticia Braga e Pedro Motta; Gabriel Moreira e Giulia Benite, de Lições, Lolla Belli (Pluft) e Tiffanie Costa (Alice dos Anjos), entre outros.

Também nos dias 8, 9 e 10 de novembro acontece o FICI na sala de aula, que levará turmas de escolas públicas e particulares ao Estação NET Gávea, em sessões às 10h30 e 14h30, para assistir a longas como Meu Amigãozão, de Andrés Lieban; Pluft, de Rosane Svartman; Lições, de Daniel Rezende, e SING 2, de Garth Jennings.

FICHA TÉCNICA:

20º FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA INFANTIL – FICI

Direção: Carla Camurati e Carla Esmeralda

Curadoria: Rakel Cogliatti

Produção de Conteúdo: Carolina Mezher

Marketing: Lívia Marttins

Produção: Marcela Epprecht

Realização: Copacabana Filmes e Produções e Esmeralda Produções

Apoio: RioFilme órgão integrado à Secretaria de Governo e Integridade Pública da Prefeitura do Rio, Telecine, Místika Produções e Globo Filmes.

PROGRAMAÇÃO:

Dias 08, 09 e 10 de novembro, dois painéis diários, às 18h e às 19h

Fórum Pensar a Infância – Online: www.fici.com.br

Dia 12 de novembro

Abertura do 20º FICI – mostra presencial

Local: Estação NET Gávea

Endereço: Shopping da Gávea – Rua Marquês de S. Vicente, 52

Ingressos: sessões gratuitas na parte da manhã. É necessário retirar o ingresso na plataforma sympla.com.br

À tarde, os ingressos de todas as sessões serão vendidos no valor da meia entrada. Vendas no site do ingresso.com e na bilheteria do cinema

Programação das sessões de Abertura do 20º FICI -12/11

PRÉ-ESTREIAS

· A Ilha dos Ilús, de Paulo C G Miranda | 80min 10h30 e 14h30

· Alice dos Anjos, de Daniel Leite Almeida | 76min 10h30 e 17h45

· Chef Jack, de Guilherme Fiúza Zenha | 72min 10h30 e 16h

· Perlimps, de Alê Abreu | 75min 16h

· Fabulosos João e Maria, de Arnaldo Galvão | 104min (PREMIÈRE BRASILEIRA) 14h30

SESSÃO ESPECIAL GLOOB

· D.P.A. 3, uma aventura no fim do mundo, de Mauro Lima | 102min 10h30

SESSÃO ESPECIAL TELECINE

· SING 2, de Garth Jennings | 110min 10h30

SESSÃO ESPECIAL FICI 20 ANOS · 7 x Animação, seleção de curtas | 70min 17h45min

De 19 a 27 de novembro

Mostra de filmes selecionados pela curadoria do festival, disponíveis gratuitamente e online durante todo esse período na plataforma www.fici.com.br

Abertura do FICI Online:

Tromba Trem – o filme, de Zé Brandão

O FICI 2022 acontece com o importante apoio do Rio Filme (@_riofilme), Telecine (@telecine) e MISTIKA Produções (@mistikapost)

Parceria: Globo Filmes (@globofilmes)

Produção: Copacabana Filmes (@copacabanafilmes) e Esmeralda Produções (@esmeralda.producoes).

Facebook: FICI – Festival Internacional de Cinema Infantil

Instagram: @ficioficial

Tags

Busca

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Anália Franco: 11 99568-7320
Morumbi: 11 93040-2110

Sampa com Família

Parceiros

Facebook

Comments Box SVG iconsUsed for the like, share, comment, and reaction icons

Arquivos

Quem Escreve

Ana Paula

Sou Ana Paula Alcântara Porfírio, trabalho em horário integral como mãe, sou casada, com um príncipe chamado Júnior, tenho dois filhos a Manuella e o Arthur, que fazem meus dias mais felizes!

Vou dividir com vocês nossos passeios, dicas de programas com crianças, experiências e sentimentos da maternidade!