A Galinha Pintadinha dá a volta por cima com o Circo di SóLadies| Nem SóLadies

A triste história da Galinha Pintadinha, abandonada pelo galo ao ficar doente, ganha nova versão no espetáculo Concerto em Cores, da companhia Circo di SóLadies| Nem SóLadies, que acontece nos próximos dias 19 e 20 de maio, no Sesc Vila Mariana. Na paródia proposta pelo grupo, chamada A Galinha Angolinha, a mesma não adoece, se liberta e vai viajar mundo a fora.
 

O grupo de palhaçaria, que completa 10 anos nos palcos brasileiros, ganhou espaço no mundo infantil investindo na desconstrução de pensamentos ultrapassados e preconceituosos com novas versões para canções conhecidas, além de composições inéditas.
 

Com 55 minutos de duração, Concerto em Cores é um show musical que conta a história de pessoas sem tempo, fechadas e com pensamentos encaixotados. Mas, interagindo com a plateia, essa trupe constrói um mundo mais colorido, livre, leve e brincante.
 

Mais duas apresentações da Companhia se destacam, dessa vez no Sesc Pompéia, nos dias 21 e 28 de Maio, a partir das 15h. Trata-se da Intervenção Des. Cantadas, fonte inspiradora do espetáculo Concerto em Cores. Com entradas interativas pelo espaço, a trupe parte de brincadeiras musicais para questionar letras de músicas e contar com o público presente para algumas adaptações espontâneas. Assim, vão se criando outras versões, algumas já incluídas no espetáculo do Sesc Vila Mariana, com arranjos da diretora musical Tetê Purezempla.
 

Colorindo a trajetória de 10 anos

Ao longo da pesquisa, nos processos de formação, na leitura de publicações de referência para a palhaçaria e na participação de diversos festivais pelo país, o Circo di SóLadies| Nem SóLadies se deparou, não só com as questões de gênero, mas também preconceitos de raça, idade e classe, entre outros, sendo reproduzidos na dramaturgia clássica circense.
 

Dessas percepções surgiu o desejo de criar uma obra que dialogasse com o público, abrindo espaço para a criação de novos paradigmas e signos, desestabilizando os papéis sociais pré-construídos, levando o tema da diversidade de maneira leve, cômica e musical, a partir da máscara da palhaçaria. A obra teve sua estreia em 2022, na cidade de São Paulo e sua criação foi financiada pelo Programa de Fomento Municipal da cidade de São Paulo, edição 2021.
 

“Dentre os feedbacks recebidos do público, além da animação das crianças que contagiava a plateia, tivemos comentários de pais e educadores que afirmaram que “nunca haviam percebido o preconceito existente nestas canções” e que ficaram “satisfeitos em conhecer novas versões de músicas infantis para cantarem junto com as crianças”, afirma o grupo.
 

“O circo é uma manifestação artística popular que revela e espelha a sociedade e, muitas vezes, acaba por reproduzir tais comportamentos que afetam diretamente as relações cotidianas, tornando as opressões veladas/reveladas e normatizadas. No caso específico de músicas infantis, é comum vermos circos de lona abrindo espaço na programação para atrações musicais e outros ‘produtos mainstream’ que também reproduzem estereótipos e preconceito”, completam.
 

Sobre o Circo di SóLadies| Nem SóLadies
 

Grupo formado Por duas mulheres cis, Kelly Lima e Verônica Mello – palhaças, atrizes, produtoras – e uma pessoa transmasculina não-binária, Tatá Oliveira – palhace, artista da cena, produtore e designer; que pesquisa formas cênicas usando o universo da comicidade e palhaçaria sob o viés feminista, questionando as estruturas sociais com camadas simbólicas e lúdicas para públicos de todas as idades.

FICHA TÉCNICA:

Direção Artística: Tereza Gontijo | Direção Musical: Tetê Purezempla | Elenco: Kelly Lima (palhaça Greice), Tatá Oliveira (palhace Augustine), Veronica Mello (palhaça Úrsula) | Produção Executiva: Circo di SóLadies | Nem SóLadies | Figurinos, adereços e cenário: Ateliê Vivo – Andrea Guerra, Carolina Cherubini, Gabriela Cherubini, Flavia Lobo de Felicio | Costura: Francisca Lima | Criação de Luz e operadora: Leandra Demarchi | Assistente de luz e operadora: Luz López | Desenho de Som e Operação: Daniela Dantas | Equipe de Acessibilidade: Maré Dissidente Acessibilidade Criativa | Designer: Estúdio Capima | Assessoria de Imprensa: Em Foco Comunicação Estratégica

SERVIÇO: Concerto em Cores

Com Circo di SóLadies| Nem SóLadies

Onde: Sesc Vila Mariana – Endereço: R. Pelotas, 141 – Vila Mariana, São Paulo – SP, 04012-000 – São Paulo — SP

Quando: dias 19 e 20 de maio

Horário: Sexta, às 15h; Sábado, às 18h

Duração: 55 minutos

Classificação Livre

Ingresso: R$ 25 (inteira)

Sinopse: Um show musical para contar a história de pessoas sem tempo que viviam presas em um mundo descolorido e pensamentos encaixotados. Por meio da palhaçaria e da comicidade física/musical, se desconstroem pensamentos engessados e se apresentam novas versões. Interagindo com a plateia, estabelecem um mundo mais colorido, livre, leve e brincante. Juntes, tocam mais de dez instrumentos, entre cordas, sopro e percussão.

Des. Cantadas

Onde: Sesc Pompéia: Rua Clélia,93 — Água Branca, São Paulo

Quando: dias 21 e 28 de Maio

Horário: das 15h às 17h

Classificação Livre

GRÁTIS

Tags

Busca

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Anália Franco: 11 99568-7320
Morumbi: 11 93040-2110

Escola de Teatro

Agende uma aula experimental
Whatsapp 11 96591 9915

Sampa com Família

Parceiros

Facebook

Arquivos

Quem Escreve

Ana Paula

Sou Ana Paula Alcântara Porfírio, trabalho em horário integral como mãe, sou casada, com um príncipe chamado Júnior, tenho dois filhos a Manuella e o Arthur, que fazem meus dias mais felizes!

Vou dividir com vocês nossos passeios, dicas de programas com crianças, experiências e sentimentos da maternidade!